Guia Online do Utente
Serviços Médicos
Informações Úteis
SNS 24 - Centro de Contacto - 808 24 24 24
Guia do Utente
  • Serviço Nacional de Saúde

    O que é o Serviço Nacional de Saúde?

    O Serviço Nacional de Saúde (SNS) é o conjunto de instituições e serviços, dependentes do Ministério da Saúde, que têm como missão garantir o acesso de todos os cidadãos aos cuidados de saúde, nos limites dos recursos humanos, técnicos e financeiros disponíveis.
    O SNS abrange ainda os estabelecimentos privados e profissionais de saúde em regime liberal, com os quais tenham sido celebrados contratos ou convenções, que garantam o direito de acesso dos utentes em moldes semelhantes aos oferecidos pelo SNS.

    Quem pode ser

  • Centro de Saúde

    Centros de Saúde

    Os centros de saúde constituem o primeiro acesso dos cidadãos à prestação de cuidados de saúde, assumindo importantes funções de promoção da saúde e prevenção da doença, prestação de cuidados na doença e ligação a outros serviços para a continuidade dos cuidados.
    Aceda ao Decreto-Lei n.º 28/2008, de 22 de Fevereiro que estabelece o regime da criação, estruturação e funcionamento dos agrupamentos de centros de saúde do Serviço Nacional de Saúde.

    Vacinas

    No Centro de Saúde podem ser aplicadas todas as vacinas incluídas no Programa Nacional de Vacinação.

  • Médico de Família

    Como posso escolher e inscrever-me no médico de família?

    Deve dirigir-se ao Centro de Saúde da sua área de residência, onde, uma vez inscrito, pode escolher o seu médico de família, de entre os que trabalham no Centro de Saúde.
    Se o médico que prefere tiver a sua lista de utentes completamente preenchida, será aconselhado a optar por um dos médicos em cuja lista existam vagas.

    Posso mudar de médico de família? Como?

    Se pretender mudar de médico de família, deve apresentar por escrito o seu pedido, devidamente justificado, dirigido ao

  • Autoridade de Saúde

    Que serviços são prestados pelo Delegado de Saúde?

    Ao Delegado de Saúde, ou autoridade de saúde, cabe vigiar, defender e promover a saúde pública.
    Neste sentido, o delegado concelhio de saúde realiza diversas actividades:

    Avaliação do estado de saúde da população; Avaliação e gestão de riscos para a saúde decorrentes de factores ambientais; Inspeções médicas a condutores nas seguintes situações: condutores de pesados (categorias C, D e E); de ligeiros com mais de 65 anos; deficientes; condutores não aprovados em inspecção normal; Inspeções médicas para atribuição de atestados para isenção de
  • Planeamento Familiar

    O que é uma Consulta de Planeamento Familiar?

    É uma consulta que se destina a apoiar e informar os indivíduos ou casais, para que estes possam planear uma gravidez no momento mais apropriado, proporcionando-lhes a possibilidade de viverem a sua sexualidade de forma saudável e segura.
    Nesta consulta é feita a avaliação do estado de saúde da mulher ou do casal, avaliando-se, se necessário, a eventual existência de riscos ou doenças para a mãe ou para o futuro bebé.

    Esta é a consulta que deve procurar, se pretende evitar uma gravidez ou se, pelo

  • Gravidez e Parto

    O que é uma consulta de Saúde Materna?

    É uma consulta de acompanhamento da gravidez e de preparação para o parto.
    Nesta consulta, são feitos exames clínicos e laboratoriais regulares, que permitem avaliar o estado de saúde da mãe e do bebé, ao longo da gravidez. É também dada indicação relativamente a regras de alimentação saudável, de preparação para o aleitamento materno, bem como de hábitos a evitar.
    A primeira consulta deve ser feita no seu Centro de Saúde, logo que pense estar grávida. Uma vez efectuada a primeira consulta, deve seguir

  • SAÚDE DA CRIANÇA E DO JOVEM 

    O que é uma consulta de saúde infantil e juvenil?

    É uma consulta destinada à vigilância, manutenção e promoção da saúde da criança e do jovem, desde o nascimento até ao final da adolescência (18 anos). 
    Nesta consulta são feitos exames clínicos para vigilância do crescimento e do desenvolvimento. São também fornecidas informações sobre alimentação, prevenção de doenças infecciosas, prevenção de acidentes, vacinação, actividades lúdicas e de lazer, prática desportiva, vivência da sexualidade e outras relacionadas com a promoção da saúde e do bem estar da criança ou

  • Vacinação

    Que vacinas estão incluídas no Programa Nacional de Vacinação, e em que idades nos devemos vacinar?

    As vacinas do Programa Nacional de Vacinação (PNV) conferem protecção contra algumas das mais importantes doenças infecciosas.
    O PNV inclui as vacinas contra a tuberculose, a hepatite B, a difteria, o tétano, a tosse convulsa, a poliomielite, a meningite e a septicémia (causadas pela bactéria Haemophilus influenzae tipo b), o sarampo, a papeira e a rubéola. O calendário é, actualmente, o seguinte:

    À nascença BCG - (tuberculose) VHB - 1ª dose (hepatite B) Aos 2 meses
  • Cuidados de Saúde no Hospital

    O que é um Hospital?

    O hospital é um estabelecimento de saúde, de diferentes níveis de diferenciação, constituído por meios tecnológicos que não existem nos Centros de Saúde, cujo objectivo principal é a prestação de cuidados de saúde durante 24 horas por dia.
    A sua actividade é o diagnóstico, o tratamento e a reabilitação, que pode ser desenvolvida em regime de internamento ou ambulatório. Compete-lhe, igualmente, promover a investigação e o ensino com vista, a resolver problemas de saúde.A sua actuação deve ser efectivada de forma conjunta e articulada com

  • URGÊNCIAS

    O que é uma situação de urgência?

    É toda a situação em que a demora de diagnóstico, ou de tratamento, pode trazer grave risco ou prejuízo para a vítima, como nos casos de traumatismos graves, intoxicações agudas, queimaduras, crises cardíacas ou respiratórias.
    Algumas urgências, pela extrema gravidade da situação, ou porque implicam o uso de telecomunicações ou o transporte especial do doente, são consideradas como emergências médicas.

    Posso ir directamente ao serviço de urgência de um Hospital?

    Só nas situações de risco de vida ou de emergência. Nas restantes situações deverá procurar

  • Consulta Externa

    Quem é que pode marcar consulta?

    O próprio, um familiar ou um amigo do utente do Serviço Nacional de Saúde.

    Onde é que posso marcar consulta?

    No caso de ser atendido num serviço de urgência hospitalar, poderá ser enviado, pelo médico que o atendeu, se a sua situação clínica o justificar, à consulta externa desse hospital. A consulta pode ser marcada presencialmente, no balcão de marcação de consultas do hospital, telefonicamente ou via Internet, nos estabelecimentos que dispõem dessa modalidade. 

    Quando é que posso marcar consulta?

    Nos dias úteis, no horário de expediente do balcão de

  • Internamento

    Se precisar de um internamento o que devo fazer?

    O internamento em estabelecimento hospitalar processa-se a partir de uma proposta de admissão, que pode ser feita:

    a partir de uma consulta externa hospitalar;  a pedido do médico de família ou de médico particular;  a partir de um atendimento em serviço de urgência.

    O que devo levar comigo, no caso de internamento?

    Deve levar:

    Objectos de higiene pessoal;  Peças de vestuário como pijama ou camisa de noite, roupão e chinelos. Este vestuário poderá ser usado ou não, dependendo da situação clínica ou de razões de ordem prática próprias de cada hospital. Não
  • Doação de Órgãos

    Quem pode ser dador de órgãos?

    Qualquer pessoa pode doar um ou mais órgãos, desde que, em vida, não tenha manifestado vontade em contrário.
    A doação de órgãos é uma atitude de solidariedade, que pode contribuir para melhorar ou salvar a vida de outra pessoa.

    Como posso manifestar a minha vontade de não doar órgãos após a morte?

    Se não quiser que os seus órgãos sejam doados após a morte deverá manifestá-lo através da inscrição no Registo Nacional de Não Dadores (RENNDA).
    Esta inscrição é realizada através do preenchimento, por si

  • Transporte de Doentes

    Quando posso ter direito ao transporte em ambulância?

    A utilização de uma ambulância depende, em princípio, da indicação do médico. Exceptuam-se as situações de urgência, em que a decisão poderá ser do utente.
    Os custos de utilização de uma ambulância para deslocação a um serviço de saúde só serão suportados pelo SNS no caso de o médico confirmar que se trata de uma situação de urgência.
    Sempre que haja necessidade de tratamentos ou de exames de diagnóstico, em que a situação clínica do doente, confirmada pelo médico, justifique o

  • Assistência Médica no Estrangeiro

    Tenciona viajar e não tem as respostas que necessita a nível de Saúde?
    Leia as seguintes informações que o(a) poderão ajudar a viajar mais tranquilo.

    Se estiver de férias no estrangeiro como posso ter consulta médica ou tratamento?

    Todos os utentes do Serviço Nacional de Saúde português podem ter acesso a cuidados de saúde em situações de doença não esperada, quando em viagem temporária por qualquer país da União Europeia.
    Sempre que viajar para fora de Portugal deverá solicitar a emissão do Cartão Europeu de Seguro de Doença

  • Pagamentos, Taxas Moderadoras e Reembolsos

    As consultas e outros serviços de saúde, no âmbito do Serviço Nacional de Saúde, são pagos?

    De acordo com a legislação em vigor, os cuidados de saúde são tendencialmente gratuitos, tendo em conta as condições económicas e sociais dos utentes. Por cada consulta ou cuidado prestado, o utente deve pagar uma importância, chamada Taxa Moderadora. As taxas moderadoras em vigor são as constantes da Portaria n.º 306-A/2011 de 20 de dezembro de 2011.

    Em que situações há isenção de pagamento de taxa moderadora?

    O Decreto-Lei n.º 113/2011, de 29 de

  • HORÁRIOS das visitas

    Hospital Pêro da Covilhã

    Serviços de Cirurgia Geral, Especialidades Médicas e Cirúrgicas, Gastroenterologia, Medicina Interna, Ortopedia, Ginecologia
    14h às 16h30 e das 18h às 20h - 2 visitas por doente em regime de rotatividade
    12h às 21h - acompanhante com autorização do serviço de internamento

    Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental
    Serviço de Psiquiatria
    14h às 16h30 e das 18h às 20h - 2 visitas por doente em regime de rotatividade
    12h às 21h - acompanhante com autorização do serviço de internamento

    Horários específicos

    Unidade de AVC

    14h às 19h - 3 visitas diárias de

CENTRO MÉDICO ACADÉMICO ACREDITADO PELA JCI logotipo de Centro Hospitalar Cova da Beira